livros

música

agenda

aus deutschen verlagen

pubicações científicas

literatrip

angola

brasil

cabo verde

guiné-bissau

moçambique

portugal

são tomé
e príncipe

timor lorosae

bestellen

suchen

impressum

home

tfm-online


Antunes

Literatrip
António Gregório
António Gregório

nasceu no ano de 1970, nos arredores de Leiria.
Colabora com algumas crónicas num diário local, assim como na revista 365. Pelo caminho está um curso de Física por concluir.

Em 2005 publicou
Uma estória de desamor treze vezesUma Estória de Desamor Treze Vezes.


António Gregório na Internet
http://diariodocil.blogspot.com/


Viemos agora mesmo de ver O Escritor em tertúlia na livraria: muita gente, muita gente, eu de sobretudo escuro como um intelectual de esquerda; o meu amor de maço de tabaco e isqueiro na mão.

E como ele era grande e velho e calvo, O Escritor: os braços grossos e peludos de puxar metáforas teimosas; fez malabarismos com os músculos do rosto, com três laranjas, depois três laranjas e um limão, dobrou esferográficas à custa de pensar nelas e mostrou-nos como se roda uma cadeira presa pelos dentes. No fim afastámo-nos todos deixando um corredor com uma solitária bancazinha ao fundo: ele tomou balanço e impulsionou-se daí contra o vidro da montra, estilhaçando-a, caindo em pé do lado de lá da rua. Aplaudimos muito – e o meu amor verteu uma lágrima grossa que me deu, segurando-a entre os dedos: «uma pérola, amor, uma pérola», disse-me, enquanto O Escritor regressava à livraria esfregando a cara: «acho que me entrou um bocadinho de vidro para o olho, ora vejam lá»; e todos nós, comprimidos uns contra os outros, perscrutando-lhe atentamente as mais íntimas variações da córnea e do cristalino.

© António Gregório 2006


nova cultura (issn 1439-3077) www.novacultura.de
© 2002 Michael Kegler, sternstraße 2, 65719 hofheim / novacultura@gmx.de

TFM-Zentrum für Bücher und Schallplatten in portugiesischer Sprache www.tfm-online.de
disclaimer / Haftungsausschluss