livros

musica

eventos

aus deutschen verlagen

publicações científicas

mai / maio
2001

angola

brasil

cabo verde

guiné-bissau

moçambique

portugal

são tomé
e príncipe

timor lorosae

bestellen

suchen

impressum

home

tfm-online


radicl chic Miguel Paiva:
Livro de Pensamentos da Radical Chic


84 páginas
Record
DM 28,80


A Radical Chic conquistou o público com seu humor muito particular e antenado. Agora, suas melhores tiradas e pensamentos estão finalmente reunidos em um livro inteligente e bem-humorado. O LIVRO DE PENSAMENTOS DA RADICAL CHIC mostra a face reflexiva, filosófica e definitiva de um ícone da nova geração feminina. A Radical, como a mulher moderna, não tem medo de ir à luta e meter o bedelho nas questões que mais afligem sua faixa etária. Sexo, dietas, esportes são apenas alguns dos tópicos analisados por essa balzaquiana para lá de charmosa.

Miguel Paiva é o criador do ícone de uma geração especial de mulheres - aquela que insiste em ser feliz, apesar dos sobressaltos do coração, dos problemas do mundo e das contas a pagar. Sua Radical Chic nasceu em algum lugar entre Rio e São Paulo, há pouco mais de trinta anos. Uma mulher cheia de manias e verdades, apesar de insegura e indecisa. Em o LIVRO DE PENSAMENTOS DA RADICAL CHIC, Miguel Paiva mostra um pouco da filosofia de vida dessa ruiva agitadora e inconstante, que se define com muito humor, parafraseando Descartes: Penso, logo mudo de idéia.
Depois de ver a vida exposta em quadrinhos e livros, a personagem mostra, no LIVRO DE PENSAMENTOS DA RADICAL CHIC, sua face reflexiva, filosófica e definitiva. Sem pudor, ela mete o bedelho nas questões que mais afligem homens e mulheres de sua faixa etária: sexo, dietas, futilidades, esportes, casamento e o envelhecimento feminino (seu maior medo). Mas, justiça seja feita, ela também se entrega. Seus maiores defeitos e qualidades estão espalhados em tiradas inteligentes. Assim como no perfil, à guisa de apresentação, no início do livro.
Mesmo não acreditando em auto-ajuda, a Radical Chic compartilha com os leitores sua fórmula particular de busca do prazer e da felicidade. Mas que não a acusem de ser superficial e hedonista. Até mesmo os sete pecados capitais não escaparam do humor dessa cabeça vermelha. Luxúria, avareza, ira, preguiça, gula, orgulho e inveja ganham definições nada ortodoxas. Um exemplo: "Avareza é guardar o amor que você tem para dar debaixo do colchão."

Ela coloca tudo em prática. O LIVRO DE PENSAMENTOS DA RADICAL CHIC não economiza e nem guarda nada. Mostra a riqueza dessa personagem de Miguel Paiva e o talento de seu criador. Mas a Radical ainda acha forças para contestar: "ricos são vocês. Eu sou é chic."
(Informação da editora)

Radical Chic virou personagem em 1982, pelas mãos de Miguel Paiva, aparecendo na última página da Revista de Domingo do Jornal do Brasil. Já tinha os cabelos curtinhos e vermelhos e o corpinho magro e sensual. Depois de dois anos, ela sumiu, voltando definitivamente em 1987, na mesma página da Domingo, onde ficou até 96. Passou a freqüentar, então, com a mesma desenvoltura, o Caderno Ela e depois o RioShow, ambos do Globo. Foi personagem também da Folha de S. Paulo e, após quatro anos, mudou-se para o Estado de São Paulo, onde permanece até hoje. Na televisão, foi representada por Andréa Beltrão, em série que a Rede Globo levou ao ar. E, como não poderia deixar de ser, foi a primeira personagem de quadrinhos a posar para a Playboy.

Miguel Paiva nasceu no Rio de Janeiro, em 1950. Começou a escrever aos dezesseis anos, para o Jornal dos Sports. Publicou inúmeros livros, tanto no Brasil quanto no exterior, como As memórias de Casanova e livros de História do Brasil. Além desses, produziu, ainda, cinco livros em parceria com Luís Fernando Veríssimo - contando as aventuras do detetive Ed Mort -, três livros com a Radical Chic e dois com o Gatão de Meia Idade. Viveu na Itália de 74 a 80, criando e publicando seus personagens. De volta ao Brasil, morou durante nove anos em São Paulo, voltando para o Rio em 92, onde vive até hoje. Miguel Paiva é cartunista, diretor de arte, autor, ilustrador, publicitário e jornalista. (Edições Record)








nova cultura (issn 1439-3077) www.novacultura.de
© 2001 Michael Kegler, sternstraße 2, 65719 hofheim / novacultura@gmx.de

TFM-Zentrum für Bücher und Schallplatten in portugiesischer Sprache www.tfm-online.de
disclaimer / Haftungsausschluss